domingo, janeiro 07, 2007

MANIFESTO DOS ARTISTAS















Na primeira foto, Cristiane Torloni e Victor Fasano em reunião com o Comitê Chico Mendes em Rio Branco, em outubro de 2006. Eles se colocaram à disposição para apoiar as atividades do Comitê. Tendo filmado no Amazonas e no Acre e sobrevoado a região em vários pontos, estavam indignados com o desmatamento. (E não foi o ano da seca, 2005!).

Mais que isso, tendo tido a oportunidade de entrar em uma floresta nativa, estavam contagiados. Ninguém sai impune de uma experiência como essa, ou fica imune a ela. Quem viveu sabe do que estou falando. O silêncio de uma mata nunca habitada - ou se habitada nunca destruída - é algo tão forte que costuma causar emoções inusitadas. Victor e Cristiane, assim como outros atores da minissérie Amazônia, têm relatado essa experiência.

Querendo dar visibilidade a uma certa indignação com o que viram - desde cidades sujas e descuidadas até matas destruídas, queimadas e pessoas indiferentes - reuniram parte do elenco e escreveram um denso documento - autoria principal de Juca de Oliveira, que já está em sua segunda minissérie amazônica, a primeira sobre a Madeira-Mamoré, em Rondônia, cuja situação ambiental deve ser a causa principal de sua opinião sobre a região.

Depois de muitas conversas o texto mudou de caráter e ficou curto, direto, sem detalhes a respeito do que deveria ser feito, mas com uma mensagem importante:

"IMEDIATA PROIBIÇÃO DO DESMATAMENTO DA FLORESTA AMAZÔNICA BRASILEIRA. É hora de enxergarmos nossas árvores como monumentos de nossa cultura e história. Somos um povo da floresta."

A segunda foto mostra o texto, que está abaixo, sendo assinado na noite de estréia da minissérie pela maioria do elenco, autora e diretor. Deverá ser entregue pessoalmente ao Presidente Lula quando ele voltar ao trabalho.

CARTA ABERTA DE ARTISTAS BRASILEIROS SOBRE A DEVASTAÇÃO DA AMAZÔNIA

Acabamos de comemorar o menor desmatamento da Floresta Amazônica dos últimos três anos: 17 mil quilômetros quadrados. É quase a metade da Holanda. Da área total já desmatamos 16%, o equivalente a duas vezes a Alemanha e três Estados de São Paulo. Não há motivo para comemorações. A Amazônia não é o pulmão do mundo, mas presta serviços ambientais importantíssimos ao Brasil e ao Planeta. Essa vastidão verde que se estende por mais de cinco milhões de quilômetros quadrados é um lençol térmico engendrado pela natureza para que os raios solares não atinjam o solo, propiciando a vida da mais exuberante floresta da terra e auxiliando na regulação da temperatura do Planeta.
Depois de tombada na sua pujança, estuprada por madeireiros sem escrúpulos, ateiam fogo às suas vestes de esmeralda dando passagem aos forasteiros que a humilham ao semear capim e soja nas cinzas de castanheiras centenárias. Apesar do extraordinário esforço de implantarmos unidades de conservação como alternativas de desenvolvimento sustentável, a devastação continua. Mesmo depois do sangue de “Chico Mendes” ter selado o pacto de harmonia homem/natureza, entre seringueiros e indígenas, mesmo depois da aliança dos povos da floresta “pelo direito de manter nossas florestas em pé, porque delas dependemos para viver”; mesmo depois de inúmeras sagas cheias de heroísmo, morte e paixão pela Amazônia, a devastação continua.

Como no passado, enxergamos a Floresta como um obstáculo ao progresso, como área a ser vencida e conquistada. Um imenso estoque de terras a se tornarem pastos pouco produtivos, campos de soja e espécies vegetais para combustíveis alternativos ou uma fonte inesgotável de madeira, peixe, ouro, minerais e energia elétrica. Continuamos um povo irresponsável. O desmatamento e o incêndio são o símbolo da nossa incapacidade de compreender a delicadeza e instabilidade do ecossistema amazônico e como tratá-lo.

Um país que tem 165.000 km2 de área desflorestada, abandonada ou semi-abandonada, pode dobrar a sua produção de grãos sem precisar derrubar uma árvore. É urgente que nos tornemos responsáveis pelo gerenciamento o que resta dos nossos valiosos recursos naturais.

Portanto, a nosso ver, como único procedimento cabível para desacelerar os efeitos quase irreversíveis da devastação, segundo o que determina o

§ 4º, do Artigo 225 da Constituição Federal, onde se lê: "A Floresta Amazônica brasileira é patrimônio nacional, e sua utilização far-se-á, na forma da lei, dentro de condições que assegurem a preservação do meio ambiente, inclusive quanto ao uso dos recurso naturais", deve-se implementar em níveis Federal, Estadual e Municipal a

IMEDIATA PROIBIÇÃO DO DESMATAMENTO DA FLORESTA AMAZÔNICA BRASILEIRA. JÁ! É hora de enxergarmos nossas árvores como monumentos de nossa cultura e história. Somos um povo da floresta.

21 comentários:

marta disse...

Por favor, gostaria de saber como assinar o manifesto dos artistas. Acredito que todo aquele que queira participar possa faze-lo. Façam maior publicidade sobre o assunto. Isto é mais do que urgente!!!!

Mary Allegretti disse...

Marta, foi aberto um site para este fim, mas nao consegui localizar. Assim que eu souber melhor como fazer vou publicar no blog. Mary

Manoela disse...

Olá achei seu blog justamente procurando pelo manifesto dos artistas e já achei o site. é www.amazoniaprasempre.com.br.

Abraços

clauremmarques@yahoo.com.br disse...

Olá Mary,
Foi procurando o protesto dos artistas que eu (também) encontrei o seu site e tenho certeza que encontrei algo na mesma proporção em seriedade. Parabéns pelo belo trabalho, ainda bem que o mundo pode contar com pessoas assim como você! Acho que vc deveria receber pelo menos mais uma dúzia de medalhas de ouro somente pelo interesse em manter um site igual a esse. Parabéns!!!

Mary Allegretti disse...

Obrigada pelos comentários. A responsabilidade dos artistas nessa minissérie é muito grande porque eles conseguem captar as nossas emoções a respeito da Amazônia. E é a primeira vez que isso acontece no Brasil. Vamos assinar e pressionar o governo por mudanças. Mary

LUCIANO SANTOS disse...

MARY...
OLA, SOU LUCIANO E TBM ENTREI NO SEU BLOG, PROCURANDO ALGO SOBRE O MANIFESTO DOS ARTISTAS.

GOSTEI DE SABER QUE PESSOAS COMO VC, PREMIADAS COMPARTILHA SUAS IDEIAS EM BLOGS COMO ESTE...

EU TAMBEM COLOQUEI O MANIFESTO DOS ARTISTA EM MEU BLOG(http://lucianonumerohum.blogspot.com) E CITEI SEU BLOG, ASSIM COMO FIZ NA COMUNIDADE DO ORKUT, QUE ACABO DE CRIAR: AMAZÔNIA PARA SEMPRE...
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=27823289

PARA DEBATER ESSE ASSUNTO...

SE VC TIVER ORKUT, SERÁ DE GRANDE VALOR NA COMUNIDADE!

UM ABRAÇO E SEMPRE ENTRAREI EM SEU BLOG...

LUH

Anônimo disse...

Parabéns pela iniciativa!Divulguei para vários amigos.
Uma pequena atitude faz a diferença.
Saudações ecológicas!
Myriam

Jean Carlos de pinho Gralato disse...

Essa iniciativa é algo de espetacular. Pena que os canais de comunicação, não dão muita importância pra isso. Acho que esses meios só se preocupam com aquilo que dá audiência. Graças a Deus existe o programa do Sergio, o AUTAS HORAS, só assim pessoas como eu podem de alguma forma se interar nas coisas desse tipo, como o desmatamento.
Gostaria de dizer tbm, que Sou fã da Cristiane Torlone, e que minha admiração por ela , aumentou ainda mais, devido a essa causa que ela abraçou.

Anônimo disse...

maravilhosa esta ação dos artistas em prou da amozonia, gostaria muito de participar de alguma coisa, faço em casa algumas ajudas para o meio ambiente como nao jogas restos de oleo no ralo, no lixo eu separo latas plasticos e algumas coisas a mais faço minha parte se todo mundo fizece um pouco quem sabe a naturaza melhorararia um pouco.

Anônimo disse...

Vim ajudar também!!!!
Nao sei como pôr o nome mas deixo meus votos.
juntos vamos conseguir.

Natália disse...

ola assisti ao programa do jô e gostaria de participar do abaixo assinado ! mas nao consigo entro no site www.amazoniaprasempre.com.br dai entro em abaixo assinado e entra só umas promoções que nao tem nada a ver com o assunto ! se puderem me ajudar ficarei grata pois gostaria mesmo de participar!
obrigada pela atenção meu email para contato é fo_biba@msn.com, Natália

Senna disse...

ASSISTIE O PROGRAMA DE ANGÉLICA E GOSTARIA DE PARTICIPAR COMO FAÇO!!!!
MEU E-MAIL É =====SENNA_LEVI@HOTMAIL.COM

Anônimo disse...

gilmar;
oh detalhe mais esse site eu tambem gostaria de participar, mas nao sei como assinar.

guerra_nautica disse...

assistindo o MAIS VOCÊ me interessei pela luta em defesa da AMAZÔNIA.como faço para participar ?

kleber disse...

quero participar da luta em defesa da Amazônia.o que devo fazer ?b

Susu disse...

Sueli
Gostaria muito de participar dessa iniciativa muito bonita. Gostaria de saber como posso votar também.Um grande abraço.

pablo mecking disse...

Assisti ao programa do faustão e fiquei muito interessado em assinar o manifesto mas quando fui fazelo nao consegui pois só aparecem coisas que fogem do assunto entao peço para que façam mais publicidade sobre o assunto ensinando como faze-lo, obrigado: Pablo Mecking

indio disse...

Estou Triste com as pessoas que não estão nen ai para a natureza, e só pensam em dinheiro. Porém Estou Muito Feliz, com este Manifesto dos Artitas. Indio da Lagoa Bonita - Brasília - DF ...

milene martins disse...

ooie sou miriã,
vi no faustão esse site,
e vim votar.
acheei muito interessante e apoioo e voto para que tudo de certo.
Muitas pessoas nao ligam ,
maais tbm muitas pessoas apoiam .
adorei e achei muito boua a sua idéia !
beijoo
tchau

karitta disse...

oi sou de goiania e achei muito pois devemos cuidar da nossa floresta, e alem disso devemos concientizar ne...
muito obrigada..
by: katty

elaine disse...

Adorei a iniciativa de se fazer um manifesto contra o desmatamento das nossas matas.Entrei no seu blog na tentativa de achar o site para também assinar o manifesto, mas que bom que a encontrei, é de pessoas como vcê que o mundo precisa!!!!!!!Elaine Dillenburg